em Português, programação, Python, windows

Distribuir Programas em Python para Desktops Windows

Comecei a escrever um post sobre como criar um programa com auto-update em Python e como vi que tinha muito assunto pra falar eu resolvi escrever 3 posts, em cada um vou tratar de um assunto mas o objetivo final é conseguir criar um executável em Python com auto-update e que tenha um instalador.

Então os posts estão divididos em 3 partes:

  1. Como criar um executável com Instalador MSI com Python e Cx_freeze
  2. Como criar um programa com Auto-Update utilizando Python e Esky
  3. Como criar um instalador MSI utilizando o Inno Setup

Durante esses 3 posts vou criar um programa bem simples (chamado boneca), mostrar como eu posso criar o instalador pelo próprio Cx_freeze, depois mostrar como posso criar o auto-update utilizando o Esky e por fim mostrar como posso usar o Inno Setup pra criar um instalador mais robusto e mais personalizado.

No final você poderá distribuir programas em python para desktops windows sem nenhum problema.

Muitas pessoas pensam que o Python serve só para fazer scripts e que não pode ser compilado e shipado. Mas não é bem assim, python também pode ser compilado e você pode distribuir software python sem o código-fonte.

Um grande exemplo disso é o Dropbox. O cliente do Dropbox foi escrito em Python para ser portável para Windows, Mac e Linux e a única diferença é que para Windows e Linux ele roda o wxPython no UI e no Mac ele usa Python-ObjC. As próprias palavras do Guido Van Rossum são muito legais falando sobre isso:

 

“Python plays an important role in Dropbox’s success: the Dropbox client, which runs on Windows, Mac and Linux (!), is written in Python. This is key to the portability: everything except the UI is cross-platform. (The UI uses a Python-ObjC bridge on Mac, and wxPython on the other platforms.) Performance has never been a problem — understanding that a small number of critical pieces were written in C, including a custom memory allocator used for a certain type of objects whose pattern of allocation involves allocating 100,000s of them and then releasing all but a few. Before you jump in to open up the Dropbox distro and learn all about how it works, beware that the source code is not included and the bytecode is obfuscated. Drew’s no fool. And he laughs at the poor competitors who are using Java.”

O texto original dele é esse aqui!

Escreva um comentário

Comentário

Webmentions

  • Como criar um instalador MSI utilizando o Inno Setup - Fernando Alves

    […] é a terceira parte da série de Posts Distribuir Programas em Python para Desktops Windows. Nela você vai aprender como criar um instalador MSI utilizando o Inno Setup e colocando as DLLs […]

  • Como criar um programa com Auto-Update utilizando Python e Esky

    […] é a segunda parte da série de Posts Distribuir Programas em Python para Desktops Windows. Se quiser, veja o primeiro post: Como criar um executável com Instalador MSI em […]

  • Como criar um executável com Instalador MSI em Python

    […] post é o primeiro da série Distribuir Programas em Python para Desktops Windows. Esse é o mais básico de todos, e esse assunto já foi bem discutido em diversos sites, mas a […]